sábado, setembro 08, 2018

Falando sério...! De Fabrício Boliveira: machismo é escravidão até para quem tem privilégios


Fabrício Boliveira: machismo é escravidão até para quem tem privilégios

Hum...! Menos machismo e mais sensibilidade. Esse é o cenário que o ator tudo de bom.com, Fabrício Boliveira, de  36 anos, defende como um sinal dos novos tempos. "Não é mais confortável viver neste lugar, a não ser que você seja branco, hétero e rico", afirmou ele à revista GQ deste mês de setembro. O artista, que hoje dá vida ao vingativo, mas também carente, Roberval, em "Segundo Sol" da TV Globo, compõe uma das 3 capas desta edição da publicação. As outras trazem seus colegas de elenco Emilio Dantas e Chay Suede. Boliveira contou à publicação que foi gago na infância, mas sempre sonhou em ser um contador de histórias. Ele também falou sobre o machismo, que afirmou ser "uma escravidão, até mesmo para quem tem todos esses privilégios", e comemorou o fato de dar vida ao primeiro personagem "negro, rico e vilão" da TV.

Fonte: Fama ao Mminuto
Foto: reprodução/AgNews