terça-feira, abril 10, 2018

Bem na foto...! Câmara Municipal de Natal/RN, promove sessão em homenagem ao Dia do Jornalista




Hum...!É nós na fita...! Melhor dizendo na foto...! Quem conhece do  traçado sabe , que o  dia 7 de abril, no Brasil,  é celebrado o Dia do Jornalista. Data instituída pela Associação Brasileira de Imprensa (ABI) em homenagem ao jornalista Líbero Badaró, que ganhou notoriedade  por defender a liberdade de expressão. Para homenagear a data, a Câmara Municipal de Natal(RN), por iniciativa do do seu presidente, vereador  Raniere Barbosa, realizou uma sessão solene na noite de ontem,  segunda-feira (09/04) em homenagem aos profissionais da notícia. A solenidade destacou personalidades da imprensa, de diversos veículos de comunicação, com honraria de mérito pelos relevantes serviços prestados à sociedade. Ao fazer uso da palavra, o presidente Raniere Barbosa disse que o Jornalismo é um dos principais segmentos representativos da sociedade brasileira, considerado o “Quarto Poder”. Segundo ele a profissão tem repercussão nos diversos setores públicos, com o compromisso de levar informação verdadeira aos cidadãos. “A liberdade de imprensa,  é o termômetro do ambiente democrático. E isso porque,  democracia  não é apenas o direito ao voto livre. Trata-se de liberdade para pensar e expressar pensamentos. De liberdade para opinar e discordar. E, também, liberdade de ter acesso à informação. Democracia é, acima de tudo, consciência livre”, defendeu o presidente. “Existem poucas dúvidas de que os problemas sociais seriam esquecidos se não fossem por jornalistas inteligentes, persistentes e corajosos. Qualquer um que pare para examinar casos recentes de sucesso jornalístico e de seus impactos ficará impressionado com a função vital da imprensa”, ressaltou Raniere. Em tempo: o Jornalismo tem papel crucial na democracia, na construção dos poderes constituídos, estabelece valores, influencia comportamentos e molda diuturnamente o imaginário coletivo. Um poder sobre a vida dos indivíduos que nem o Direito e a Medicina possuem”, acrescentou. Falando em nome dos homenageados, a jornalista Anna Ruth Dantas,  parabenizou o Legislativo natalense pela escolha dos nomes para receber a distinção. “Todos que estão aqui são merecedores de todas as honras, porque são apaixonados pelo que fazem e o entusiasmo com a comunicação é sentido na prática profissional de cada um. O resultado dessa química é o reconhecimento do público”. Só pra registrar, de e acordo com a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo, durante a cobertura de manifestações de rua entre maio de 2013 e setembro de 2016, foram mortos 300 jornalistas. O Brasil, aliás, foi o segundo país onde houve o maior número de assassinatos de jornalistas em 2016, perdendo apenas para o México.