sexta-feira, outubro 20, 2017

Nos anais da historia...! Exposição do Museu marca os 85 anos do Porto de Natal

Emerson, Aproniano César e Adécio Filho


Hum...! Acontecendo...! O Jornalista Aproniano César Fagundes Soares, Diretor e Idealizador do Museu do Porto de Nata(RN), realizou até ontem, quinta-feira (19/10), uma exposição no Palácio dos Esportes, em Natal(RN), em alusão aos 85 anos do Porto de Natal, criado em 21 de outubro de 1932, por Getúlio Vargas, à frente do Governo Provisório da República dos Estados Unidos do Brasil. O acervo conta com 4.216 recortes em 352 cartazes de matérias publicadas em jornais ao longo do tempo. Na tarde de ontem, quinta-feira (19/10), o Presidente da Companhia Docas do Rio Grande do Norte (CODERN), Emerson Fernandes Daniel Júnior, prestigiou a exposição, ao lado do Diretor Administrativo e Financeiro, José Adécio Filho. Emerson elogiou o trabalho voluntário e sem fins lucrativos do jornalista Aproniano César. “A história do Porto de Natal e da nossa Companhia Docas está no Museu do Porto de Natal, que merece nossos aplausos e reconhecimento. É uma dedicação espontânea de muitos anos do jornalista Aproniano e conta com a gratidão de toda a CODERN”, afirmou Emerson.
Museu do Porto deNatal

Foi fundado em 27 de agosto de 2004, pelo Jornalista Aproniano César Fagundes Soares, pesquisador da história do Porto de Natal desde 1972, pioneiro em colunas portuárias com experiências nos jornais Tribuna do Norte, Diário de Natal, Jornal de Natal e Jornal de Hoje. Inicialmente funcionava na Esplanada do Jardim, na Ribeira, sendo transferido para o Mercado de Petrópolis, onde recebe cotidianamente estudantes de ensino fundamental, ensino médio e universitários.