quarta-feira, março 29, 2017

Que horror...! Pagodeiro ex-Karametade, é suspeito de envolvimento na morte de argentino



Hum...! Selvageria...! O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro(TJRJ),  decretou, ontem, terça-feira (28/03), a prisão temporária de 3 suspeitos da morte do turista argentino Matías Sebastian Carena, de 28 anos, no último domingo (26/03), depois de uma briga em um  bar em Ipanema, Rio de Janeiro(RJ). Entre os acusados está Valterson Ferreira Cantuária, conhecido como Tody Cantuária, ex-músico do grupo de pagode Karametade. Segundo a polícia, Matías estava no bar com um grupo de amigos, também argentinos, quando começou a discutir com um grupo de brasileiros e todos saíram do local para continuar a briga do lado de fora. Matías levou um soco e caiu, batendo a cabeça no degrau de entrada de uma loja em frente ao bar. Mesmo desacordado, ele continuou sendo agredido, levando chutes e socos. O argentino chegou a ser socorridos pelos amigos, mas morreu antes de chegar ao Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, no Rio de janeiro(RJ. Não foi divulgado, até o momento, o que motivou a briga. Em entrevista à coluna do jornalista Léo Dias, do jornal O Dia, o empresário do Karametade, Paulo César Serra, informou que o grupo de pagode fará uma coletiva de imprensa nesta quarta-feira (29/03) para comentar o caso. Paulo César disse ainda que Tody deixou o grupo em novembro passado.