quarta-feira, outubro 19, 2016

Coisinhas do Brasil...! Mais corrupção...


Hum...! Na mira da justiça...! Isso mesmo, o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, (STF), autorizou a Procuradoria-Geral da República(PGR), a dar prosseguimento a uma investigação contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG). Apura-se a suspeita de adulteração de dados do acervo da CPI dos Correios, que funcionou entre 2005 e 2006. Apura-se também denúncia de que Aécio Neves, articulou o atraso no fornecimento de informações requisitadas pela CPI ao Banco Rural. O objetivo seria ganhar tempo para que o banco pudesse maquiar o papelório, excluindo informações que comprometeriam o tucano. Em nota oficial, o PSDB disse aprovar o despacho de Gilmar Mendes. Avalia que a peça ''contribui para garantir transparência ao processo.'' O texto classifica as acusações de Delcídio de “absurdas e totalmente descabidas”. Reitera o apoio do tucanato às investigações. Quanto à retirada de documentos da CPI dos Correios, anota que ''seguiu estritamente a legislação vigente, que permite a qualquer cidadão pedir ao Congresso pesquisa de documentos, o que foi feito pelo setor competente, como atesta documento oficial do Senado''.

Fonte: Blog de Josias de Souza