terça-feira, agosto 23, 2016

Luto e pesares...! O jornalismo brasileiro chora a o luto da morte de Geneton Neto


geneton


Hum...! Luto e pesares...! O jornalismo brasileiro, chora a o luto da morte do jornalista tudo de bom.com, Geneton Moraes Neto, uma marca registrada do jornalismo brasileiro. O pernambucano pensante não resistiu a complicações causadas por um aneurisma da artéria aorta e morreu nesta segunda-feira, dia (22/08), aos 60 anos. O jornalista estava internado num leito da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) da Clínica São Vicente, no Rio de Janeiro(RJ). Há alguns meses, familiares e amigos haviam usado as redes sociais para pedir doação de sangue. Geneton, que estava no quadro de funcionários da Rede Globo desde 1985, iniciou a trajetória na profissão como repórter do Diário de Pernambuco, na década de 1970. Logo depois, entre 1975 e 1980, foi repórter da sucursal no Nordeste do jornal O Estado de S.Paulo. Entrou para a Rede Globo Nordeste e seguiu para o Rio em 1985. Na Globo, atuou como editor do Jornal da Globo e do Jornal Nacional. Foi correspondente na Inglaterra. Também foi repórter e editor-chefe do Fantástico.