quinta-feira, agosto 25, 2016

Fato novo...! Do PSDB a Temer: rompe se teto de gastos não passar


fimdasbondades


Hum...! O cabo de guerra entre o PSDB e o Planalto Central,  sobre os reajustes salariais para carreiras do funcionalismo público,  não será capaz de provocar o rompimento do partido com Michel Temer. Mas tucanos admitem que a relação acumula desgastes e mandam recado: o grande teste de governabilidade,  será a votação da PEC que estabelece um teto de gastos ao poder público. Se a medida não passar no Congresso Nacional, ou se sair dele totalmente desfigurada, a legenda deve pular fora do barco. O PSDB vai parar de brigar pelo congelamento dos reajustes,  para não atrapalhar o julgamento final da presidente afastada  Dilma Rousseff. Senadores da sigla já admitem que a proposta de aumento será aprovada com os votos da base capitaneados pelo PMDB.