sábado, agosto 20, 2016

Coisa nossa...! Bruninho, com o vôlei no seu DNA, é um dos nossos deusos olimpico .

O jogador de vôlei Bruninho (Foto: Sean M. Haffey/Getty Images)

Hum..! Grande por natureza...! O craque do vôlei, o tudo de bom.com, Bruno Mossa Rezende, é um garoto que vale ouro. lindo de vive e carioca da gema, fruto do casamento de dois grandes nomes do vôle verde e amarelo, não podia ser diferente. Sua mãe, Vera Mossa, disputou 3 Olimpíadas consecutivas (1980, 1984 e 1988) e seu pai,o luxuoso Bernardinho, foi prata na Olimpíada de 1984 como jogador, antes de se tornar o técnico mais bem-sucedido da história do vôlei, com mais de 30 grandes títulos. O nosso Bruninho, que tinha o vôlei no seu DNA,como herança genética dos dois lados , começou a se firmar como levantador ao conquistar, com a seleção Sub-19, a prata no Campeonato Mundial em 2005. Antes disso, Bruno já havia conquistado a Superliga Brasileira de 2003/04 com o Unisul Florianópolis, com apenas 18 anos. No ano seguinte, em 2006, junto com mais uma conquista da Superliga, dessa vez pelo Cimed, Bruninho conquistou sua primeira Liga Mundial pela seleção principal, ainda como levantador reserva. Na época, e por muito tempo, Bruninho conviveu com críticas de que só estava na seleção principal por ser filho de Bernardinho. Mesmo assim, com o tempo, o levantador foi se firmando na posição até atingir, atualmente, o posto de capitão. Do Blog: Esse vale ouro...


Fonte: Época