sexta-feira, julho 15, 2016

Falando sobre...! Talin vá com Deus ...



Hum...! Ser gente...! Como é difícil...! Nesta sexta-feira . dia ( 15/07 ),  Umarizal(RN),  amanheceu perplexa e com uma   fádica terrível, depois de uma noite mal dormida, tumultuada, cheia de questionamentos e porquês. Contestar o brilhante e necessário trabalho das Policias, que muitas vezes,  se desdobra para manter a ordem publica e garantir a paz coletiva, que é um dos seus afazeres institucionais, nem pensar, e que mesmo, diante de um momento conflitante, que pontua ,  o abismo entre a vida e a morte, só nos resta parabenizar o sucesso da ação e a gradecer, nem que pra isso, alguém tenha que pagar um preço, já que nada nessa vida acontece por por acaso. Esse clima de  adversidade, que silencia a cidade, apesar de triste , é no mínimo bom..., pois apesar de tudo, nos levar acreditar que não estamos sós.. Que ainda existe uma luz no fim do túnel, de esperança por um mundo melhor. Do outro lado, não podemos esquecer a dor dos que choram a morte dos seus entes queridos, que por muito motivos e até na contra mão do seu bem querer, se perderam na estrada vida e se enveredaram pelos becos da ilusão, e da facilidade, da falta de noção e do bom senso também , e se encontraram no cruzamento da morte, e levaram a pior. Nossos sentimentos pela dor de cada um. Mas, nessa historia, falando de Talin, só o que nos restou foi a saudade...! Quem conhece sabe, que ele era gente de primeira , cheio de virtudes qualidades e defeito, como todo mundo. Um garoto do bem, trabalhador, respeitador, companheiro, meigo, rapaz de familia, com principio meio e fim, que alheio ao conhecimento publico, sabe lá o porque, disse presente a esse encontro derradeiro da vida , por amizade?, afinidades?,  ou coisa do tipo,  o homem errado no canto e hora  mais errado ainda, sei lá , fato sem muita explicação, que na real lhe custou a vida. Mas, que com certeza, Talin, vai deixar muitas saudades sim.